24/07/2006

Anúncio de jornal V: Vendem-se casas do imaginário

Vendem-se casas do imaginário.
Temos em stock disponível casas feitas de algodão, rebuçado, folha de ouro ou simples organzil. Rodeadas de água, núvem ou material dos sonhos.
Pode escolher os vizinhos que sempre desejou. Faunos não estão disponíveis devido à sua excessiva agressividade. Unicórnios também não, pois os últimos avistados viajaram para as estrelas.
Pode escolher uma vista para todo o universo ou simplesmente para um buraco negro.
Terá disponível uma selecção de perfumes de alegria, felicidade ou extase.
Não será aceite pagamento em falsas esperanças, nem máscaras na cerimónia de entrega da chave.

Se estiver deslumbrado/interessado, por favor contactar:
gaZpar, Vendedor do Imaginário
Rua das constelações impossíveis, n.34, Apartamento 7º e 1/2
Bairro da 3ª núvem a contar do sol

8 comentários:

inixion disse...

Pá.....não há unicórnios já não queruuuu!...lol ;)

Preciouzzz disse...

há, mor meu! eu sou uma!!!!

Tongzhi disse...

Eu quero os perfumes...

gaZpar disse...

Hmmm... se calhar devia mesmo abrir um negócio. Uns abriram negócio de "marcação de jantares" nos respectivos blogs. Eu de vendedor destas coisas. ;)

Vou já tratar das vossas encomendas. :)

Luísa disse...

Ena... Estou fascinada com o teu ramo empresarial... Se considerares a hipótese de abrir em franchising... Aqui tens uma candidata...
(pessoalmente gosto de mais da dar magias do que de as guardar para mim...)

gaZpar disse...

Concerteza. ;) Contarei contigo!
Eu vendo mas o pagamento que aceito é em sorrisos, nunca em dinheiro. :)
Beijos

Luísa disse...

Tens troco para uma gargalhada? trouxe uma ou outra da praia, hoje...
: )

gaZpar disse...

Ui... uma gargalhada já é tipo nota de 500 euros. Deixa-me ir ali ao banco trocar e já volto. :)