11/02/2008

Pensamentos caústicos XXXIII: Minutos...


Em vez de um minuto de silêncio, não faria mais sentido um minuto de acção?


E assim vai Timor-Leste.
Feito de Ramos caídos...

11 comentários:

Catatau disse...

Incondicionalmente a favor.
Menos protestos - mais acção!
Menos solidariedadezinhas: mais participaçãozinha!

gaZpar disse...

Menos crítica destrutiva e mais construtiva.
Menos "ai isto está tudo mal" e mais "vamos lá ajudar a melhorar isto".
E por aí fora... ;-)

Momentos disse...

Depende do tipo de acção. Para certas acções é melhor estar quieto...

gaZpar disse...

Pois... quietos e calados!
;-)

Miguel disse...

Pode soar a cliché, mas penso que por vezes mais vale um silêncio assertivo do que uma acção disparatada...

pinguim disse...

Há qualquer coisa naquele país que me escapa...será que algum dia conseguirá ser autónomo; até no atribuir de culpas o não é!!!

gaZpar disse...

miguel: Sim. às vezes o silêncio também magoa. Mas na maior parte dos casos não tem sido assim...

pinguim: Pois. esperemos que consiga! abraço!

Kraak disse...

Nonsense. Comentar seja o que for sobre Timor-Leste é algo que poderá gerar sempre uma discussão surda. :S

Hugzz sem silêncio

jnavarro disse...

Amigo GaZpar,
Hoje de manhã fiz um post em, resposta ao desafio do special K.
Gostaria de te desafiar também.
Um abraço

MrTBear disse...

Pois, acção é precisa, sem dúvida. O problema é saber que tipo de acção...
O Ministro dos Negócios estrangeiros da Inglaterra respondeu a isso (ou quase) na conferência que proferiu na universidade de (não me lembro o nome)na passada sexta feira. é pena que tenha passado despercebida....

gaZpar disse...

kraak: Por vezes quase se consegue ouvir bem alto o "som do silêncio" (como diziam o Simon & Garfunkel). ;-)

jnavarro: ok. não sou muito de aceitar desafios por outros blogs mas como neste caso é um "desafio musical" e sendo a música uma parte importante da minha vida, vou aceitá-lo. ;-) hehe abraço!

mrtbear: desde que não seja uma acção demasiado impulsiva ou demasiado tardia... ;-)