13/09/2005

O meu poema simples

La la la, estou aqui.
Estou aqui onde chegui.
Chegui e vim para aqui.
Aqui onde escrevi.

E pronto!

10 comentários:

Lampejo disse...

De onde escreveste,
Espero que sejas feliz.
E com se diz,
Que muita sorte te acompanhe.

Tongzhi disse...

Antes "chegui" que "chegay"!!!!
lolololololol

Zoick disse...

O Camões, a esta hora, deve andar às voltas no túmulo... ;)

ubik disse...

Roses are grey.
Violets are grey.
La-di-da.

Nic disse...

as vezes as coisa simples sao as mais bonitas.
:)

gaZpar disse...

As vezes as coisas mais parvas sao as mais simples e as mais simples as mais bonitas. Mas nem sempre as coisas mais parvas sao as mais bonitas. Fez sentido? Tambem acho que nao... eh eh. Mas para alem do poema, foi a coisa mais parva que me lembrei de dizer... :D

manueldiogo disse...

linnnnnddoooooo

av disse...

Sempre está melhor que o refrão da nova do pedro (abrunhosa, claro)! Quem ouve aquele refrão não vai, com certeza, a correr ao millennium fazer uma simulação! Mas digo-vos que o resto da música vale a pena....

carmuue disse...

melhor só mesmo: "subi ´quela rua para te ver; não te vi, desci."

ps. parabéns plo blog.me gustou

gaZpar disse...

gracias. :)